Site institucional: entenda o que é e por que ter um?

compartilhe esse post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no print
Compartilhar no email

O que é um site institucional e por que é necessário ter um? Como tem que ser o site para ser verdadeiramente eficaz? Quais são os benefícios de um site institucional?

Um site institucional é o cartão de visita na internet. É o local onde o cliente procurará informações sobre sua marca e produtos ou os serviços que oferece. É também um local que um investidor em potencial, parceiro ou futuro funcionário visitará. Como deve ser o site institucional e que elementos deve conter? Neste artigo, você encontrará exemplos de implementações necessárias em um site corporativo.

O que é um site institucional e para que serve?

Até algum tempo atrás, o site da empresa era um meio como qualquer outro para apresentar seus produtos e serviços, como um catálogo.

Hoje, essa visão está desatualizada. O site não é mais um ponto de chegada onde o cliente pode pousar, mas um ponto de partida para o desenvolvimento de novas estratégias de negócios.

De forma simplista podemos entender o site institucional como uma ferramenta de comunicação estratégica através da qual desenvolvemos planos de conversão.

O site institucional já é uma necessidade não apenas para grandes empresas e multinacionais, mas também para pequenas empresas que têm a oportunidade de atrair muitos clientes, sem grandes investimentos.

Mas muitos sites têm problemas técnicos e acabam se tornando mais um problema do que uma solução, tais como:

  • são lentos
  • não são responsivos (adaptado para mobile e tablet)
  • não retêm clientes
  • são mal estruturados
  • não tem conteúdo atual

Assim, o que há de errado? O que pode ser melhorado? Quais objetivos você deseja alcançar com seu site?

Responder a essas perguntas é o ponto de partida para a criação de um site institucional eficaz, capaz de aumentar as oportunidades de negócios.

Vantagens de um site institucional para o seu negócio

  • Credibilidade e confiabilidade: O primeiro é credibilidade; de fato, o site é uma ferramenta que pode ajudar a melhorar a reputação da sua empresa. É claro que a presença na rede ajuda em muitos campos, começando com a melhoria da imagem corporativa, tornando-a mais oficial e confiável. Uma empresa que não existe na rede levanta suspeitas e é percebida negativamente. Quando a empresa não está presente na Web, um alarme toca a ponto do cliente duvidar da reputação.
  • Visibilidade e melhor imagem: O site é um cartão de visita e, ao mesmo tempo, um quadro de distribuição disponível 24 horas por dia, todos os dias. Sua imagem corporativa é dada pela forma como você é percebido na web.
  • Publicidade de baixo custo: É útil lembrar que, no mundo, a maioria das pessoas faz uso diário dos mecanismos de pesquisa e, acima de tudo, 93% das decisões de compra são tomadas logo após uma cuidadosa pesquisa no Google. Portanto, a presença de seus negócios na Internet se torna essencial para atrair novos clientes que decidirão escolher sua empresa somente depois de examinar suas informações.
  • É um investimento com retorno econômico garantido: O site é, portanto, um investimento muito mais seguro, pois permite criar uma imagem que permanece ao longo do tempo e que, no entanto, também pode mudar, refletindo completamente nosso caminho pessoal ou profissional.

Para que serve o site institucional?

Como já mencionado antes, o principal objetivo do desenvolvimento de sites institucionais é fazer com que as pessoas conheçam mais sobre sua empresa.

Além disso, eles são importantes para passar confiança e mostrar a autoridade da marca para o visitante. Entre essas coisas, um site institucional:

Traz autoridade e credibilidade

Uma empresa com um site institucional poderá adquirir maior autoridade e melhorar sua reputação online, aumentando o grau de credibilidade entre os clientes em potencial e lançando as bases para a construção de relacionamentos futuros sólidos.

Como o site é a ferramenta pela qual a empresa transmite seus pensamentos e se comunica diretamente com o público, será muito importante, especialmente para as grandes empresas, atender às expectativas de proteger a imagem de sua marca.

Alcança públicos-alvo locais ou internacionais

O site da sua empresa é uma vitrine que pode garantir a máxima visibilidade e com a qual você pode alcançar o público desejado em qualquer lugar do mundo.

Se você é uma empresa pequena, que pretende se tornar conhecida localmente, o site institucional permite que você se torne conhecido rapidamente.

Aproveitando as estratégias de otimização de mecanismo de pesquisa e escolhendo as palavras-chave certas, você pode posicionar seu site no segmento que mais lhe interessa. O posicionamento em nível nacional e internacional é mais difícil, mas mesmo neste caso o SEO será fundamental para atingir seu objetivo.

Aumenta sua rotatividade

Independentemente de você operar em nível local, nacional ou internacional, seja uma realidade mais ou menos estruturada, um fato permanece: você nunca pode estar em vários lugares.

Com um site, sim.

Traz lealdade do consumidor

Uma das vantagens do site da empresa é adquirir novos clientes e aumentar o reconhecimento da marca para conquistar a confiança de seus usuários e transformá-los em compradores.

Por exemplo, o site permite que os usuários mantenham alto interesse por meio de campanhas de fidelidade destinadas a promover eventos, iniciativas e etc.

Como fazer um bom site institucional?

Atualmente, um site é obrigatório na maioria dos setores. Pesquisas mostram que muitas empresas ou clientes em potencial percebem uma determinada empresa a partir de seu site.

Se você deseja criar um site institucional a partir do zero ou deseja melhorar seu site atual, deve colocar o usuário no centro e garantir a melhor experiência de navegação possível.

Lembre-se de que, além de agradar você mesmo, seu site deve antes de tudo agradar seus clientes.

E aqui há vários fatores que entram em jogo para serem avaliados e otimizados. Veja quais!

1 – Página Inicial do site institucional

A página principal deve descrever de forma sucinta mas eficaz os serviços e pontos fortes da marca, deve intrigar e convencer o leitor a ler mais e visitar outras páginas. 

A página inicial deve impressionar o visitante nos primeiros 10 segundos, porque mais de 90% dos usuários decidem se devem continuar navegando ou não nesse período. Dentro desses 10 segundos, você deverá comunicar quem você é, o que faz e por que seu leitor deve escolher seus serviços. Lembrando que, para você conseguir passar uma boa impressão seu site deve ser, antes de mais nada, rápido para carregar.

Ajude as pessoas a conhecer sua marca

Comece com o básico: coloque-se no lugar do seu público. Se você não conhecesse sua empresa e chegasse à página inicial do site, que informações o ajudariam a causar uma boa impressão?

Os conceitos que o distinguem e que fazem a diferença entre você e os outros são:

  • sua proposta de venda exclusiva clara e eficaz
  • seu objetivo principal
  • seus valores

Informações para contato

Todos os sites devem ter informações de contato na página inicial.

Isso dá credibilidade à sua presença e ajuda a iniciar o processo de vendas. Se seus usuários precisarem de informações, eles poderão entrar em contato com você de uma maneira muito simples.

Além disso, muitos sites recentemente também usam chat online para se comunicar em tempo real com os visitantes do site. 

Links para perfis em redes sociais

O link para seus perfis em redes sociais são uma obrigação na página inicial. 

Ao inserir botões de redes sociais, seus visitantes podem se tornar seus fãs no Facebook, Instagram, Linkedin e outras redes sociais, passando a confiar mais na sua reputação e podendo optar por seguir sua marca na rede social de sua escolha.

Imagens descritivas em site institucional

“Uma imagem vale mais que mil palavras”.

É isso mesmo: se você deseja que sua página inicial atraia a atenção dos usuários, use imagens de seus produtos ou ilustrações para descrever o serviço que você oferece.

Mas tenha cuidado ao usar os elementos gráficos com moderação.

Você não quer que eles distraiam demais o usuário certo? Em vez disso, suas imagens precisam estar integradas com os textos de maneira equilibrada.

Menu de navegação

Sua página inicial é o ponto de partida para navegar pelo seu site. O menu deve, portanto, ser claramente visível, claro e intuitivo. Verifique se há links para todas as seções “chave” do seu site e se funcionam corretamente.

Logotipo e elementos alinhados com a marca

Todos os sites que você visita têm um logotipo. Este é o poder da marca!

Como você deve ter notado, o logotipo geralmente fica no canto superior esquerdo, porque é lá que os olhos dos usuários procuram uma primeira referência de autoridade. Mas você também pode colocá-lo no centro, dentro da barra de navegação ou logo acima (com base na forma ou tamanho disponível). O importante é que seja visível, claro e legível.

2 – Navegação do site institucional

A navegação deve ser clara e simples. Um site feio e difícil de consultar não incentiva ninguém a lê-lo.

Um site institucional precisa ser esteticamente bem-feito, mas, acima de tudo, deve ser simples e intuitivo. 

Os menus devem ser claros e incisivos, e o usuário deve conseguir acessar o conteúdo que deseja visitar em um ou poucos cliques, sem precisar passar por mil etapas.

Mas, acima de tudo, um site deve ser responsivo.

Um site responsivo é quando ele se adapta a diferentes tamanhos de telas e dispositivos móveis, e, portanto, permite que ele seja navegado facilmente seja no Desktop, Notebook, Tablet ou Smartphone.

Como quase todo mundo agora acessa a Internet a partir de dispositivos móveis, essa etapa é fundamental.

3 – Fontes e legibilidade do site institucional

Conforme previsto nas entrelinhas, a legibilidade é um dos fatores mais subestimados ao desenvolver um site. É um dos elementos que carrega a maior carga em termos de sucesso de um site.

Evite usar fontes muito pequenas, finas ou claras. Evite também, para textos maiores, usar fundo preto com letra branca, pois esse contraste cansa muito os olhos do leitor.

Além do tamanho da fonte, que não deve ser nem muito pequeno e nem muito grande, também é preciso se atentar aos blocos de parágrafos.

Para entender mais sobre os blocos de parágrafos, veja o trecho extraído do artigo “Você sabe usar tipografia em UI Design?:

“Comprimento da linha é a distância entre as margens laterais de um bloco de texto. As linhas excessivamente longas (acima de 100 caracteres) são um problema muito comum. Linhas mais curtas farão uma grande diferença na legibilidade e profissionalismo de seu layout.
Como o comprimento de um bloco de texto pode variar de acordo com o tamanho da fonte utilizada, a forma mais eficaz de controlar essa medição é por meio da quantidade de caracteres.
Linhas mais curtas são mais confortáveis de ler. Linhas mais longas — como nosso olho precisa viajar mais longe da extremidade de uma linha para o início da próxima — são mais difíceis de acompanhar e se manter engajado com a leitura.

Procure usar um comprimento médio de linha de 45–75 caracteres, incluindo espaços e pontuação. Na prática, as limitações de espaço ou as ordens de uso especial podem exigir comprimentos maiores ou menores. Em todo caso, mantenha-se atento para perceber quando o bloco está extremamente longo ou curto a ponto de prejudicar uma boa leitura.”

4 – Um bom CTA

A chamada à ação (CTA) é um dos pontos mais importantes.

Assim, o botão “comprar”, “inscrever-se” ou “entre em contato” deve estar claramente visível, porque é o CTA que realmente converte um visitante em um lead. 

O CTA deve ser convincente, intuitivo e sempre bem visível. Quem lida com a criação do site institucional deve garantir que as informações de contato sejam clicáveis ​​em qualquer página do site e, portanto, no cabeçalho e no rodapé. 

O CTA também deve se destacar visualmente e se destacar do restante da página, talvez com uma cor diferente ou uma fonte específica.

5 – Página sobre nós

Para ter sucesso, a página “quem somos” ou “sobre nós” deve dar voz à empresa. Assim, tente descrever sua equipe de maneira envolvente, use um tom de voz natural e cativante, revele algumas histórias interessantes. Use esta página para abordar empaticamente seu público.

A página “Sobre nós” deve ser uma página de vendas, onde você se apresenta aos clientes, conta sua história, sua visão e o que o torna único. Seu objetivo é destacar seus pontos fortes, deixando uma memória e uma boa impressão nos clientes curiosos.

Objetivos da página “Sobre Nós”:

  • Comunicar o histórico do seu negócio, como e por que você o iniciou
  • Explicar seu modelo de negócios, seus valores ou como seus produtos são fabricados
  • Descrever seus clientes ou a causa de seus negócios
  • Dar uma cara ao seu negócio, com os fundadores ou as pessoas da sua equipe
  • Contar sua história

A história que você conta em sua página deve ter um passado, um presente e um futuro. Para ser interessante e incentivar o cliente a continuar lendo, a história deve se basear em uma mudança. Portanto, sua história deve começar em um lugar e terminar em outro.

Fórmula de narrativa para página Sobre Nós

Existe uma fórmula de narrativa que você pode usar para desenvolver o conteúdo da sua página sobre nós:

  1. Enquadre a cena: Apresente personagens, descreva como as coisas eram para você, o que você estava fazendo e como eram o seu setor ou seus clientes.
  2. Relate um problema: Descreva o problema que o estimulou a agir
  3. Aceite o desafio: Explique como você encontrou uma solução para o problema e os obstáculos que encontrou no caminho.
  4. Chegue a uma solução: Compartilhe os detalhes de como sua empresa está perseguindo sua meta e os marcos que você alcançou.
  5. Imagine as perspectivas: Pinte uma imagem do futuro para sua empresa ou indique sua missão e objetivos.
  6. Use os números: Os números lhe dão credibilidade, especialmente se você deseja sublinhar sua experiência e seu progresso em seu campo. Por exemplo, você pode inserir o número de anos em que realizou uma determinada atividade, o número de itens vendidos, o número de clientes satisfeitos.

Fale de sua equipe

Dar uma cara à sua marca ajuda a humanizá-la. Saber que existe uma pessoa ou equipe com rostos do outro lado do monitor ajuda a criar um sentimento de confiança no cliente.

Você pode destacar apenas os fundadores ou apresentar os membros de sua equipe, destacando suas qualidades.

Use fotos ou uma apresentação em vídeo. Tente misturar conteúdo textual com imagens para dar movimento à página e torná-la mais harmoniosa.

Porém, tenha cuidado: as imagens que você decidir inserir devem ser absolutamente de alta qualidade. Um site em que as fotos são desfocadas e pouco profissionais causa imediatamente uma má impressão aos visitantes, que quase certamente a abandonam.

Se for viável para o seu negócio, você pode pensar em incluir imagens dos bastidores. Esse tipo de conteúdo é muito apreciado pelos usuários, pois os ajuda a ter uma ideia do seu mundo e de quem trabalha lá.

6 – Cases de sucesso

Os cases de sucesso são uma ferramenta de marketing excepcional, porque mostram evidências tangíveis de como os produtos ou serviços da empresa funcionam. 

Nada é mais persuasivo do que uma história de sucesso que explica como a empresa resolveu problemas para seus clientes, por meio de seus produtos ou serviços. 

Seus clientes em potencial, lendo suas histórias e depoimentos, tendem a acreditar que podem obter os mesmos resultados se recorrerem à sua empresa. 

Para escrever sua página, use linguagem simples e evite exageros auto-referenciais, insira imagens (gráficos ou fotos) e as aspas dos depoimentos.

7 – Mostre o feedback dos clientes

A página de depoimentos nos sites geralmente é subestimada, se não totalmente omitida. Mas é uma página cuja criação não leva muito tempo, pois de alguma forma você não precisa escrever. É uma página que usa uma poderosa arma de persuasão: a prova social!

Aqueles que acessam seu site pela primeira vez provavelmente não sabem nada sobre você, sua empresa e seus serviços, e se encontrarem a página “Depoimentos” no menu, certamente clicarão para descobrir o que as pessoas têm a dizer. 

A página de depoimentos terá como objetivo fortalecer a convicção positiva do visitante, mas também evitar sair do site. Uma ideia vencedora pode ser inserir capturas de tela tiradas da sua página do Facebook. Assim, sempre peça aos seus clientes para deixar comentários, mas acima de tudo, verifique se eles são positivos.

Como devem ser os depoimentos?

  • Honestos: Como se você e o cliente estivessem conversando sobre algo do dia a dia
  • Específicos: Que conte um caso em particular, um problema que, graças à sua ajuda, ele resolveu ou continua a resolver toda vez que volta à sua empresa
  • Fornecer detalhes: É importante que os depoimentos sejam publicados juntamente com uma foto que serve para “humanizar” tudo.

Obviamente, essas diretrizes são genéricas e podem ser adaptadas ao seu negócio ou à profissão que você exerce.

Muitas vezes, os depoimentos relatados em muitos sites institucionais ou de serviços são colocados ali aleatoriamente. Portanto, ninguém nunca vai verificar se Alexander ou Monica de plantão são realmente clientes reais. Mas a dúvida no leitor pode surgir. Para dissipá-lo, é sempre recomendado anexar os dados do cliente (ou o site de referência).

Quantos depoimentos colocar em um site institucional?

Nesse ponto do post, surge a pergunta: mas quantos depoimentos são necessários? A resposta não é quantificável, pois precisamos recorrer novamente ao bom senso.

No caso, por exemplo, de uma empresa com muitos clientes, ter pelo menos dez depoimentos é uma coisa boa para se fazer. Para uma empresa que, por sua natureza, tem menos clientes, esse número certamente não deve ser exagerado. Em princípio, no entanto, quanto mais testemunhos houver, melhor!

8 – Defina um plano de Marketing

Qualquer que seja o tamanho de uma empresa, o tipo de negócio ou a oferta de produtos ou serviços, uma estratégia de marketing digital personalizada contribui para aumentar a atividade comercial e obter benefícios.

De fato, mais e mais empresas estão entrando neste mundo, atraídas pelas novas oportunidades que ferramentas e atividades específicas de Marketing Digital permitem aproveitar.

Consequentemente, as empresas frequentemente entram neste mundo sem um critério específico, sem uma estratégia planejada, correndo o risco de não aproveitar ao máximo seu potencial, de não obter os melhores resultados e de não integrar adequadamente o mundo digital.

Para obter resultados, você pode experimentar todas as estratégias que o marketing oferece ou apenas algumas, dependendo da meta e dos objetivos, como publicidade paga por clique, otimização de SEO para mecanismos de pesquisa, e-mail marketing, marketing de rede social, AdWords, etc… Definir o objetivo de uma campanha determinará o uso do plano e os canais de marketing mais eficazes.

Os planos de marketing devem ser usados ​​e projetados com objetivos específicos em mente, por exemplo:

  • Uma campanha de branding para criar reconhecimento, familiaridade e reconhecimento da marca
  • Lançar novos produtos
  • Distribuir novo conteúdo estratégico como parte de uma iniciativa de geração de leads e marketing de conteúdo
  • Aumentar as vendas de um produto existente
  • Lançar promoções para aumentar as vendas e oferecer descontos a curto prazo

9 – Crie um blog corporativo e invista em conteúdo

O Google gosta de sites atualizados, e um blog corporativo no site é a escolha certa que dará um resultado duplo: por um lado, ajudará você a subir de posição nas buscas do Google, por outro, sua autoridade e seu número de seguidores aumentará.

O fornecimento de informações úteis e de qualidade permitirá envolver os visitantes e transformá-los em clientes.

O conteúdo de alta qualidade permite que os visitantes conheçam seus negócios e sua maneira de trabalhar de perto, além disso, dará a eles a oportunidade de sentir suas habilidades com as próprias mãos. Assim, eles não terão dúvidas quando precisarem do serviço que você oferece.

Em resumo, um blog corporativo serve para:

  • Ter seu próprio espaço para gerenciar conforme sua conveniência. Obviamente, se você quiser ser encontrado no Google, precisará seguir algumas boas práticas.
  • Manter seu público-alvo atualizado sobre as atividades da sua empresa. Você participou de uma convenção? Está prestes a apresentar um novo produto? Todas essas notícias certamente podem encontrar espaço no blog da sua empresa.
  • Fornecer informações sobre seu setor de atividade, que sejam úteis e de interesse para seus clientes em potencial.
  • Reforçar a reputação da sua empresa na Web. Pode parecer um conceito nebuloso, mas lembre-se de que atrás das telas e teclados existem seres humanos que olham, leem e emitem opiniões.
  • Melhorar a classificação do seu site. Aqui entramos em uma parte mais técnica, mas necessária. O Google adora sites dinâmicos, ou seja, aqueles que são atualizados periodicamente com conteúdo de qualidade, e os recompensa melhorando sua classificação.
  • Vender. Se você é uma empresa que fornece produtos e serviços, é claro que, além de se dar a conhecer, você desejará vender o que produz. Assim, o blog da sua empresa pode se tornar uma alavanca para converter seus leitores em contatos e, assim, adquirir novos clientes.

Quanto custa um site institucional?

Agora você está se perguntando qual é o custo para criar um site institucional?

Claro que irá depender de diversos fatores para formar o preço para desenvolver um site profissional, mas os dois principais fatores são:

  • Número de páginas
  • Funcionalidades
  • Site otimizado para Google

Caso queira entender um pouco mais sobre os preços, nossa equipe escreveu o artigo: “Quanto custa um site institucional“.

Caso queira pedir um orçamento para nós e já descobrir quanto custa seu site

Qual a diferença entre um site institucional e um e-commerce?

É claro que nada impede que um negócio, por exemplo, tenha tanto um e-commerce quanto um site institucional. A grande questão é que é necessário entender cada um deles e ter em mente qual o objetivo ao criar esses tipos de website.

Afinal de contas, de nada vai adiantar criar apenas por criar, certo? Ao fazer isso, você estará apenas gastando dinheiro com o desenvolvimento de sites sem ao menos saber se isso dará algum retorno.

Antes de qualquer coisa é importante ter em mente que um e-commerce tem como principal objetivo vender.

Esse tipo de website é uma loja virtual, na qual as pessoas podem encontrar produtos e serviços de seu interesse e realizar uma compra.

Por sua vez, um site institucional tem o principal intuito de apresentar o negócio ao público-alvo. É o site que as pessoas vão acessar para saber mais sobre a sua empresa.

Dessa forma, é possível perceber que são coisas realmente muito diferentes, não é mesmo? Por mais que ambos sejam websites, os seus objetivos são bastante distintos.

É por isso que é fundamental saber mais sobre a diferença entre e-commerce e sites institucionais antes de colocar o desenvolvimento de sites em prática.

O que é um e-commerce

Em contrapartida, um e-commerce, também conhecido como loja virtual, é um site no qual os visitantes podem fazer compras.

Nesse caso, o desenvolvimento de sites é algo muito mais complicado e trabalhoso. Isso porque é necessário que ele conte com um nível de segurança maior, afinal os usuários irão disponibilizar informações pessoais importantes, como dados de cartões de crédito, por exemplo.

Além disso, todos os produtos oferecidos pela empresa precisam estar cadastrados da forma correta no sistema para que seja realmente possível fazer o cadastro.

Não se esqueça de que também é preciso conter a descrição do produto, seu preço, a ficha técnica, a quantidade disponível no estoque, entre outras informações importantes.

Dessa forma, todo o trabalho precisa ser feito de uma maneira mais minuciosa e com muito mais cuidado para que nada saia errado.

Vale a pena investir em um site institucional?

Por que o McDonalds ou a Coca-Cola investem muito dinheiro em marketing?

A resposta é simples.

O marketing cria a imagem e a força da marca. E isso é o que acontece com o site.

Um site é um elemento de marketing que pode aumentar significativamente a conversão, por exemplo, adquirindo detalhes de contato de clientes em potencial (leads), além de chamar a atenção para a marca.

Conclusão

O site é uma ferramenta de comunicação fundamental para todas as empresas e é de fato cada vez mais importante usa-lo para promover e divulgar seus negócios.

Esses são apenas 9 elementos que devem fazer você refletir sobre um bom site institucional.

Se comunicar na internet significa ser capaz de alcançar milhões de clientes em potencial. Grande parte dos negócios é baseada em comunicação. Então não deixe seu site institucional de qualquer jeito. Uma boa comunicação atrai bons negócios!

Quer receber um orçamento para criação de um site profissional?

compartilhe esse post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no print
Compartilhar no email