O que é website? Qual o seu significado?

compartilhe esse post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no print
Compartilhar no email

Ao utilizar o navegador do seu computador, você inicia seu caminho abrindo uma página, essa página de um modo geral chama-se site. Você consegue navegar entre sites e páginas de todos os países do mundo, dependendo do assunto que procura ou o tipo de pesquisa que realiza. Mas você já se perguntou o que é website de fato?

 

Por exemplo, a URL do endereço do site da UpSites é https://upsites.digital. Após abrir seu navegador, você pode digitar qualquer endereço de site na barra de endereços, e assim conhecer as páginas dos mais diversos sites pelo mundo.

Quando foi criado o primeiro site?

 

O primeiro site foi construído por Tim Berners-Lee e lançado no ano de 1990. Um site é uma coleção de documentos HTML que podem ser acessados ​​como páginas da web individuais por meio de um URL na web, como um navegador.

 

Juntamente com o conteúdo clássico, como texto, os sites da Internet também podem incluir mídia de imagem, como fotos ou vídeos, mas também outros arquivos. Além disso, os aplicativos da web oferecem aos usuários a oportunidade de interagir com um site. As subpáginas de um site são corretamente descritas como páginas da web. Termos alternativos incluem página inicial ou site da Internet.

A história sobre o que é website

Para sabermos um pouco mais sobre a história dos websites, apenas no ano de 1991 foi publicado o primeiro site na internet, ou seja, a mais de 30 anos atrás. O primeiro site do mundo foi criado por Tim Berners-Lee, um físico que trabalhava no centro europeu de pesquisas nucleares.

que e website

 

Tim Berners-Lee, também foi o responsável por inventar o famoso WWW, que suas siglas significam World Wide Web e ele é considerado o pai da web, pelos amantes e profissionais da internet.

 

A primeira página de internet foi nomeada de “The Project”, e foi hospedada em um computador, cuja marca era de criação de Steve Jobs, a NeXT no ano de 1985.

 

Tim Berners-Lee, tinha como objetivo principal ao criar a WWW, permitir que os profissionais do centro nuclear europeu trocassem informações pelos próprios computadores, dessa forma eles não iam precisar se locomover até seus amigos profissionais, para falar sobre ideias científicas ou de indícios de projetos.

 

Na página “The Project”, os usuários conseguiam saber as informações necessárias e os códigos utilizados para a criação de um site igual, quais foram os tipos de softwares utilizados, além de referências vivilografcas e todos os contatos das pessoas que estavam juntas nesse projeto.

 

Hoje, existem mais de 1,3 bilhão de sites em todo o mundo, desde pequenos sites com um único URL, que podem ser criados com um, até lojas online complexas criadas profissionalmente com muitas subpáginas. 

 

Curiosamente, uma grande parte dos sites da Internet usados ​​em todo o mundo não podem ser acessados ​​por meio de redes públicas. Em alguns casos, trata-se de intranets internas da empresa, enquanto em outros, trata-se de conteúdo “dark web”, que só pode ser acessado com determinados navegadores. O número real de sites poderia, portanto, há muito tempo ter quebrado a barreira de 1,3 bilhão mencionada acima.

 

O tráfego global relacionado a sites cria uma quantidade diária de dados de mais de quatro bilhões de gigabytes.

Quais as diferenças entre os sites

 

No mundo do desenvolvimento web, existem dois tipos de sites, os estáticos e os dinâmicos. 

Sites estáticos

 

Um site estático é um site que possui apenas os principais blocos de construção de desenvolvimento da web: html, css e JavaScript. 

 

Não há bancos de dados, funcionalidades ou manipulação de dados ou qualquer coisa extravagante. Um site apenas exibe a página conforme foi criada. Essas três linguagens de codificação constituem tudo o que você pode ver em um site e, em muitos casos, é tudo o que você precisa. 

 

Quando você carrega um site estático, seu navegador lê e compila o código do site e o carrega instantaneamente. E uma das melhores maneiras de fazer um site estático é modificá-lo manualmente ou com um gerador de site estático.

Sites dinâmicos

 

Os sites dinâmicos incluem sites construídos por WordPress, Wix, Squarespace, GoDaddy, construtor de páginas ou php integrado, etc. Esses construtores de páginas armazenam os ativos e o conteúdo em um banco de dados e quando alguém visita o site os dados são carregados automaticamente.

 

Em vez de os navegadores compilarem o código, é o servidor que o compila para o navegador e o envia, e em vez de cada usuário receber o mesmo conteúdo, todos recebem conteúdo diferente individualmente. Isso torna o tempo de carregamento mais lento e seu site fica vulnerável a ataques de malware e hackers que interrompem o processo do servidor de verificação do conteúdo do site no banco de dados. 

Os sites estáticos não têm bancos de dados, portanto, não há nada para atacar. Iremos nos aprofundar mais nisso agora.

Sites estáticos (codificados manualmente) e sites dinâmicos (WordPress, Wix, etc.) e suas principais vantagens

 

Sites estáticos codificados do zero carregam até 10 vezes mais rápido do que criadores de páginas como o WordPress. De acordo com pesquisas realizadas, se o seu site demorar mais de 3 segundos para carregar, a maioria dos visitantes abandonará o site, perdendo clientes.

 

O Google indexa seu site com base no desempenho de seu site para celular, e os sites para celular de construtores de páginas não são tão otimizados, nem tão rápidos, nem tão bem construídos e, muitas vezes, não são 100% responsivos, o que pode atrapalhar suas classificações de pesquisa.

 

que e website

 

O ideal é que seus sites estáticos, sejam codificados primeiro para dispositivos móveis e, em seguida, adicione o código para tablet e desktop. Isso torna o dispositivo móvel mais responsivo, otimizado e incrivelmente rápido de carregar, melhorando o desempenho do seu site no Google e garantindo que os visitantes não abandonem seu site.

 

O WordPress é notoriamente conhecido por suas vulnerabilidades, e precisa ser atualizado regularmente para corrigir as falhas de segurança que os hackers podem usar para comprometer o seu site. Sites estáticos não podem ser comprometidos tão facilmente e são virtualmente impenetráveis, ​​devido à sua simplicidade e falta de pontos de entrada para hackear.

O que é website?

 

Já aprendemos o que é um site e alguns pontos sobre tudo o que se envolve, mas e agora o que é um website? Existe alguma diferença? Vamos ver.

 

Sobre a palavra website, podemos observar e perceber que é uma palavra coexistente com a palavra web e seu significado é “ REDE ”, sendo que site significa sítio ou lugar, como podemos observar nos tópicos acima.

 

Falando de uma maneira geral, site e website, são basicamente a mesma coisa e coincidem com as mesmas finalidades.

 

Nos dias de hoje, existem algumas pessoas que ainda se referenciam e usam a palavra website para se basear em um e-commerce ou uma intenção em iniciar algum tipo de projeto na internet.

 

E se você tinha algum tipo de dúvida sobre qual a diferença entre website e site, a resposta é que ambos são a mesma coisa, mudando somente a forma como as pessoas utilizam a palavra, mas em um contexto geral as suas palavras são a mesma coisa.

 

Neste instante você já sabe o que significa site e website, está esperando o que para criar o site da sua empresa e começar a ser visto pelo seu público na internet?

O que significa WWW?

A World Wide Web, abreviada como WWW e comumente conhecida como Web, é um sistema de documentos de hipertexto interligados e acessados ​​pela Internet.

 

Com um navegador da web, é possível visualizar páginas da web que podem conter texto, imagens, vídeos e outros tipos de multimídia e navegar entre eles usando hiperlinks. Com os conceitos anteriores sendo utilizados, e como já falamos, o engenheiro e cientista da computação britânico Sir Tim Berners-Lee, agora Diretor do World Wide Web Consortium, escreveu uma proposta em março de 1989 para o que viria a se tornar a World Wide Web. 

 

Mais tarde, juntou-se a ele o cientista da computação belga Robert Cailliau, enquanto ambos trabalhavam no CERN em Genebra, na Suíça. Em 1990, eles propuseram o uso de “HyperText para vincular e acessar informações de vários tipos como uma teia de nós em que o usuário pode navegar à vontade” e lançaram essa web em dezembro.

 

A World-Wide Web foi desenvolvida para ser um reservatório de conhecimento humano, que permitiria aos colaboradores em sites remotos compartilhar suas ideias e todos os aspectos de um projeto comum. Se dois projetos forem criados de forma independente, em vez de uma figura central fazer as alterações, os dois corpos de informação podem formar uma peça coesa de trabalho.

 

Como já falamos, Web é o nome mais comum da World Wide Web, um subconjunto da Internet que consiste nas páginas que podem ser acessadas por um navegador da web. Muitas pessoas presumem que a Web é igual à Internet e usam esses termos de maneira intercambiável. 

 

No entanto, o termo Internet na verdade se refere à rede global de servidores que torna possível o compartilhamento de informações que ocorrem na web. Portanto, embora a Web constitua uma grande parte da Internet, eles não são a mesma coisa.

Como abrir um site

 

Para iniciar o navegador em um site, é necessário obter um navegador em seu computador como o Chrome, Firefox, Edge, Safari etc. Um exemplo claro é a página que você está lendo agora, você está usando algum tipo de navegador.

 

Uma vez que você abriu seu navegador e está em um site, você pode abrir qualquer tipo de site digitando a URL na barra de endereço, e assim ser encaminhado ao site escolhido. Por exemplo, digitar “https://upsites.digital” abre a página inicial da UpSites. Se você não souber o URL do site que deseja visitar, poderá usar um mecanismo de pesquisa para localizar o site na Internet.

O que é um blog?

 

Do contrário, você veio ao lugar certo. Em 1994, quando os blogs começaram, um blog era mais um diário pessoal que as pessoas compartilhavam online. Neste diário online, você podia falar sobre sua vida diária ou compartilhar coisas que está fazendo. 

 

E por causa disso, muitas pessoas viram uma oportunidade na comunicação de informações de uma maneira nova, e foi aí que o mundo dos blogs se deu início.

 

De uma maneira geral, um blog é um site informativo, que sempre exibe informações atualizadas sobre um determinado assunto, ou vários tipos de assuntos, sendo que suas últimas postagens sempre aparecem em primeiro lugar.

 

que e website

 

Um blog é um site onde algum tipo de pessoa seja um escritor ou até mesmo um especialista em determinado assunto, compartilha opiniões e assuntos em geral.

 

Atualmente existem no mundo todo quase 600 milhões de blogs. O número de blogueiros apenas no Brasil deve chegar a 31,7 milhões de usuários até 2022.

Qual é o propósito de um blog?

 

Existem muitas razões para começar um blog para uso pessoal e algumas razões fortes para um blog de negócios. Criar um blog seja para seus negócios, projetos ou outro tipo de coisa com que você possa faturar algum dinheiro, tem propósito claro, melhorar a classificação no Google e consequentemente aumentar a sua visibilidade, aumentando assim as suas vendas e seu faturamento.

 

Blogar para negócios, projetos ou qualquer outra coisa que possa lhe trazer dinheiro tem um propósito muito simples, classificar seu site nas melhores SERPs do Google, também conhecido como aumentar sua visibilidade ou SEO.

 

Como uma empresa, o que mais você precisa é que os usuários de seus site continuem comprando seus produtos e serviços, e isso é fundamental. Como um novo negócio, você confia nos blogs para ajudá-lo a chegar aos consumidores em potencial e chamar a atenção deles. Sem um blog, seu site permaneceria invisível, ao passo que ter um blog o torna pesquisável e competitivo.

 

Portanto, o objetivo principal de um blog é conectar você ao público relevante. Outra é aumentar o tráfego e enviar leads de qualidade para o seu site.

O que é Browser

Um Browser ou mais conhecido como navegador da Web leva você a qualquer lugar na Internet. Ele recupera informações de outras partes da web e as exibe em sua área de trabalho ou dispositivo móvel. As informações são transferidas por meio do Protocolo de Transferência de Hipertexto, que define como textos, imagens e vídeos que são transmitidos na web. 

 

Essas informações precisam ser compartilhadas e exibidas em um formato consistente para que as pessoas que usam qualquer navegador, em qualquer lugar do mundo possam ver as informações.

 

Quando o navegador busca dados de um servidor conectado à Internet, ele usa um software chamado mecanismo de renderização para traduzir esses dados em texto e imagens. Esses dados são gravados em linguagem de marcação de hipertexto (HTML) e os navegadores da web leem esse código para criar o que vemos, ouvimos e experimentamos na internet.

Vamos nos aprofundar um pouco mais sobre quais os objetivos de um site e os benefícios que ele pode te trazer

 

Diferentes tipos de sites têm finalidades diferentes dependendo de quem é o público-alvo. Alguns sites são voltados para a venda de produtos e outros sites são voltados para fornecer informações práticas, enquanto outros são apenas para entretenimento. Vamos dar uma olhada em alguns dos diferentes tipos de sites que existem.

Tipos de sites

 

Há uma ampla variedade de tipos de sites que podem ser encontrados na World Wide Web.

Blogs

 

São a forma mais comum de sites na rede. Quem quer criar um site hoje em dia utiliza principalmente a forma de um blog. Um blog em sua forma original é caracterizado por um usuário particular que escreve sobre questões de seu ponto de vista subjetivo e publica em seu blog. 

 

Hoje, os blogs são usados ​​para diversos fins. Por exemplo, as empresas costumam ter um chamado “blog corporativo”, no qual os funcionários escrevem sobre tópicos relevantes para a empresa.

Lojas online 

 

Uma loja virtual é um site projetado para compras online. O site não só oferece informações sobre produtos ou serviços, mas também oferece aos clientes a oportunidade de comprar ou solicitar esses itens online.

Diretórios da Web

 

No início da Internet comercial, os mecanismos de pesquisa não eram tão eficientes quanto agora. Portanto, os usuários costumam usar os chamados “ diretórios da web ” para encontrar sites da Internet sobre um determinado tópico. 

 

Hoje em dia, os diretórios da web desempenham um papel muito menor, pois também são usados ​​com frequência para spam em mecanismos de pesquisa.

Portais de comparação de preços 

 

Esses sites oferecem aos compradores a oportunidade de comparar os preços de um determinado produto.

Fóruns

 

Nos fóruns, os membros podem fazer login e discutir os tópicos de sua escolha online. Existem muitos tipos de fórum que você pode discutir, tirar dúvidas, ou até mesmo aprender sobre determinado assunto, basta você escrever na url do site o assunto que deseja e em seguida digitar a palavra fórum.

Sites de notícias

 

Geralmente são formas digitais de revistas de notícias clássicas. Hoje, as versões digitais têm uma cobertura significativamente maior do que as edições impressas, nos sites de notícias, você pode ver notícias em tempo real, sobre tudo o que está acontecendo pelo mundo, além de notícias sobre esporte, política e diversos outros assuntos.

Redes sociais 

 

As redes sociais, como Facebook, Twitter e Instagram, são sites especiais que oferecem aos usuários a oportunidade de interagir. Você não precisa de seu próprio domínio para usar esses portais.

 

As redes sociais hoje em dia, são utilizadas para paqueras, para mostrar sua vida, mostrar sobre a sua empresa, e até mesmo realizar o marketing da sua empresa de uma forma que atinja muitas pessoas ao mesmo tempo.

O objetivo dos sites de informação 

 

O objetivo de um site centrado em informações é transmitir informações específicas e úteis a um usuário / público específico, para que o leitor aprenda algo novo ou entenda melhor um tópico. 

 

Esses sites são voltados para informações mais acionáveis ​​e podem conter “como fazer”, dicas e truques, conserto e reparo, orientação, informações de suporte, orientações, instruções, etc.

O objetivo dos sites de entretenimento

 

Esses sites oferecem informações divertidas para os visitantes. Revistas online, sites de 

fofocas, notícias de celebridades, cobertura de esportes, filmes, artes, sites humorísticos, etc. 

 

Esses sites são projetados para serem fáceis de navegar e atualizados com frequência para fazer com que os usuários voltem para obter mais informações. Eles podem ser mais envolventes com o uso de conteúdo dinâmico, como vídeos, podcasts, apresentações de slides, etc.

O objetivo dos sites de comércio eletrônico

 

O objetivo dos sites de comércio eletrônico é vender produtos aos usuários. Os sites de maior sucesso são cuidadosamente otimizados para atingir uma alta porcentagem de compras. Para alcançar o sucesso, os sites de comércio eletrônico precisam integrar todas as técnicas on-line mais recentes de fechamento e upsell disponíveis, que comprovadamente aumentam as chances de um visitante comprar. 

 

Há muitos elementos importantes na construção de um site de comércio eletrônico, como deixar o processo de compra mais fácil, tornar o checkout tranquilo e fácil, tornar o site rápido e atraente, aumentar a venda de produtos relacionados aos usuários, incentivar os compradores, reduzir o abandono do carrinho, estimular os compradores anteriores a comprar novamente, remarketing para visitantes anteriores que ainda não compraram, usando as opções de pagamento adequadas, tendo um design pronto para celular, etc.

 

Esses são os principais objetivos de um site de comércio eletrônico, atendendo todos esses quesitos, com certeza o seu site vai estar com muito clientes e além disso com uma alta autoridade no Google.

 

O objetivo dos sites de negócios baseados em serviços

 

O objetivo de um site de negócios baseado em serviços é convencer os visitantes do site de que eles devem se tornar clientes da empresa de serviços. Isso é feito posicionando a empresa como um provedor de serviços confiável, digno de confiança e experiente no mercado-alvo.

 

Os visitantes farão uma pré-seleção de provedores de serviços em potencial revisando seus sites antes de fazerem qualquer ligação. Nesse processo, procuram encontrar a melhor empresa que atenda às suas necessidades específicas. 

 

Eles estão tentando verificar o quão especializada é a empresa, a qualidade do trabalho que receberão, se o fornecedor tem uma boa reputação e há quanto tempo a empresa está no mercado. Os visitantes podem ser ajudados fornecendo-lhes informações e artigos que demonstram seus conhecimentos, um portfólio visual de seu trabalho, vídeos, depoimentos de clientes e assim por diante.

O objetivo dos blogs

 

O objetivo de um blog é fornecer um site ou página da web atualizado regularmente, normalmente administrado por um indivíduo ou um pequeno grupo, escrito em um estilo informal ou coloquial. 

 

Os blogs podem ser iniciados on-line com muita facilidade usando vários serviços gratuitos, como o wordpress.com. Existem muitos blogs pessoais e profissionais por aí que são divertidos de ler e que fornecem uma visão muito pessoal da vida de uma pessoa. 

 

Os blogs podem ser para fins de entretenimento ou usados ​​como um jornal online ou usados ​​por empresas para manter seus clientes informados sobre o que está acontecendo. A marca registrada de um blog é que é muito fácil para uma pessoa não treinada manter com pouco ou nenhum conhecimento técnico.

O objetivo dos sites de mídia social

 

O objetivo dos sites de mídia social é facilitar o compartilhamento e a conexão com amigos, familiares, colegas de trabalho, conhecidos e até mesmo estranhos. Os sites de mídia social facilitam e agilizam a construção de uma rede de conexões para manter contato, compartilhar experiências cotidianas, fotos, interesses, preferências, etc. As redes sociais podem ser utilizadas tanto para fins pessoais quanto comerciais. 

 

As empresas usam as redes sociais para construir conexões diretas com seus clientes, o que lhes permite obter feedback sobre seus produtos e serviços e que lhes permite aprender mais sobre o que seus clientes realmente precisam e desejam.

Sobre a estrutura e criação dos sites

 

Os sites como vimos acima, são importantes para diversos objetivos, mas de uma maneira geral, os sites são analisados somente por fora pelo usuário, existe todo um conceito por dentro do site, que são essenciais para uma boa experiência do usuário. Vamos lá.

Estrutura de um site

 

Para respondermos o que é website um site, precisamos entender sua estrutura. Hoje em dia, um site é composto principalmente de várias páginas da web. Essas páginas da web são documentos HTML armazenados em um diretório de um domínio. O domínio não deve ser confundido com o site. O domínio é o endereço da Internet através do qual o conteúdo do site pode ser acessado.

 

que e website

 

HTML não é uma linguagem de programação, mas uma linguagem de descrição de página no código, é definido qual elemento deve ser exibido em qual ponto. 

 

Isso significa que no design de um site, não há uma imagem usada para todo o site, mas é definido no código como a fonte, as cores e, claro, as possíveis imagens ou vídeos devem ser organizados dependendo do que dispositivo está sendo usado (por exemplo, computador desktop ou smartphone) para acessá-lo. Quando um site é projetado para se adaptar aos requisitos móveis, é chamado de design responsivo.

 

As páginas individuais de um site são armazenadas em diretórios, cada um com seu próprio URL. Se o usuário inserir este URL, ele pode acessar o site desejado. A URL para os sites individuais também é armazenada pelo mecanismo de pesquisa e no chamado “snippet de pesquisa” com elementos como meta descrição , meta título ou rich snippets exibidos nos resultados da pesquisa como um link clicável.

Criação de sites

 

Uma página inicial pode ser criada com a ajuda de um editor de texto simples. Isso permite que os usuários adicionem elementos HTML. Esse arquivo HTML é então carregado em um diretório ou domínio em um servidor. Desta forma, um cliente pode acessar o site com seu conteúdo via web.

 

Os documentos HTML podem incluir caminhos para outros tipos de arquivo, como arquivos CSS ou arquivos JavaScript. Eles aumentam a funcionalidade ou podem influenciar o layout de um site.

 

Muitos webmasters não têm um site individual programado, mas usam um “kit de construção de homepage” ou o chamado “CMS”, ou seja, sistemas de gerenciamento de conteúdo. São programas que as empresas utilizam para criar websites de forma simples e profissional.

 

Ao criar o seu site, você pode utilizá-lo para inúmeros objetivos, todos com algum tipo de propósito, seja levar mais informação ao seu público alvo, ou ganhar dinheiro vendendo produtos, não importa criar o seu site próprio pode ser muito benéfico não só para você mas também para o público que você deseja atingir. Vamos ver alguns tipos

Criar site para mostrar a sua rotina

 

Você pode realizar a criação de um site para mostrar para as pessoas dicas sobre como elas podem fazer algo aproveitando ao máximo, como por exemplo um site sobre dicas de viagens, as opções são inúmeras.

Ganhe dinheiro em casa 

 

Se você realizar a criação do seu site de maneira correta, ele também pode ser lucrativo. Os melhores blogueiros  do mundo obviamente ganham um pouco, mas mesmo um blogueiro de meio período pode esperar ter um bom lucro se as coisas forem feitas corretamente. 

 

A melhor parte é que um site é uma forma de renda passiva, já que você pode passar apenas algumas horas por semana escrevendo um conteúdo e continuar lucrando muito depois de terminar de escrever. 

Reconhecimento para você ou sua empresa

 

Um site empresarial de sucesso transforma sua ideia em realidade e pode lhe render muito reconhecimento em seu respectivo campo. Muitas empresas são conhecidas como especialistas apenas por causa de seus sites

Interatividade

 

Blogar em sua essência é interativo. Você escreve uma postagem e as pessoas comentam sobre ela. Essa é uma boa maneira de se conectar com pessoas que estão interessadas nas mesmas coisas que você. O blog permite que você ensine essas pessoas com base em sua experiência e também dá a oportunidade de aprender com seus leitores.

 

Como podemos observar, existem muitas infinidades de tópicos que envolvem um site, e por isso cada vez mais os sites estão sendo utilizados, por empresas e pessoas, para tentar passar seus pontos de vista ou interagirem de alguma forma com o usuário, seja por meio de algum tipo de informação ou até mesmo para vender o seu produto.

 

Com a alta demanda de compras realizadas pela internet, criar um site para vender seus produtos pode ser um ótima opção, utilize todas as dicas que passamos durante o conteúdo e comece agora a criar o seu site, a UpSites pode te ajudar com isso, nossa equipe de atendimento está de prontidão para atendê lo e te ajudar de várias maneiras a montar o seu site de forma rápida, clara e segura.

Quer receber um orçamento para criação de um site profissional?

compartilhe esse post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no print
Compartilhar no email