Entenda o que é People Marketing

Alcançar um bom posicionamento de marca em um mercado tão concorrido, e conquistar um lugar especial na mente do seu consumidor,  requer muito trabalho e técnicas que vão muito além das estratégias tradicionais.

Quando investe na criação de site ou na criação de loja virtual, é necessário gerar um tráfego constante para o seu negócio, e isso consiste em segmentar sua newsletter, posts nos blogs, e os anúncios utilizados nas redes sociais. Afinal, cada usuário será impactado de uma forma diferente, concorda?

Você precisa entender com precisão em qual estágio do funil de vendas está o seu Lead, pois para cada etapa, você terá que lidar com essas pessoas de formas diferentes.

Embora o mais comum seja segmentar os clientes por públicos, é possível entender o comportamento individual dos seus consumidores.Isso lhe garante uma assertividade maior na conversão dos clientes, porém você só conseguirá realizar está proeza caso crie uma estratégia baseada no People Marketing.

O que é People Marketing?

A ideia do People Marketing é aproximar marcas e pessoas. Para isso a metodologia se apoia na automação, inteligência artificial e na comunicação humanizada para compreender e tratar cada visitante de um site de forma única, indo muito além de um simples clique.

Tratando seus usuários de forma personalizada, sua empresa passa a entregar mais que produtos, mas valor para os seus consumidores. Dessa forma, abre caminho para se tornar uma marca amada.

Onde nasceu o People Marketing?

Originalmente criado pela Social Miner, o People Marketing vem ganhando cada vez mais força no mercado de e-commerces. A metodologia já vem sendo trabalhada desde 2015 e grandes empresas como Natura, Asus e Sephora já utilizam a técnica.

O início de tudo

Com o aumento da concorrência no mercado de lojas virtuais, cresceu também o número de campanhas disparadas para os usuários – via e-mail, banners, pop ups, entre outros. Para combater a insatisfação dos clientes, os provedores passaram a criar filtros de spam cada vez mais rígidos.

As empresas então começaram a segmentar cada vez mais seu público, porém ainda com certa dificuldade para definir quais seriam as melhores estratégias a serem utilizadas.

Surge então no mercado uma forte demanda por um atendimento personalizado. Afinal os consumidores não se contentam mais com as campanhas de marketing digital tradicionais. Eles desejam algo personalizado. E é nesse contexto que surge o People Marketing.

O foco é criar campanhas hipersegmentadas, para que as empresas do mercado online consigam se relacionar de uma maneira muito próxima com seus usuários.

O processo de implementação

Para aplicar o People Marketing é necessário que você entregue, através dos seus canais de relacionamento, algo que realmente interesse para o seu consumidor. O mais importante é ser assertivo.

Afinal de contas, quanto mais efetiva for sua campanha, maior será o seu faturamento. E quanto maior a segmentação, menor o seu investimento. Confira o passo-a-passo para aplicar a sua estratégia:

1)Crie uma base de pessoas

É importante que você crie uma base diversificada de possíveis clientes, coletando seus dados através do cadastro no seu site.

Você pode fazer isso criando conteúdos que gerem engajamento do seu público. Para incentivar a interação e conversão, uma boa estratégia é oferecer vantagens, como um cupom de desconto ou um ebook.
Uma vez sendo capaz de coletar e processar esses dados, o próximo passo é usá-los para segmentar sua campanhas.

2)Entenda os seus interesses

Avalie como os seus consumidores se comportam quando estão navegando na rede. O que eles eles curtem nas redes sociais e no seu site, por exemplo? Informações como essas vão ajudar sua marca  a compreender melhor o que os seus potenciais clientes desejam.

Existem plataformas, como a da Social Miner, que contam com uma camada de inteligência artificial capazes de coletar dados de navegação, entender padrões de comportamento dos consumidores e automatizar a entrega de campanhas  de acordo com os interesses e necessidades de cada usuário.

Isso será fundamental para otimizar o trabalho da sua equipe de marketing, que poderá então focar na análise de performance, geração de insights e estratégias de ação.

3)Comunique-se

Um dos pilares do People Marketing é a comunicação humanizada. Isso porque uma linguagem descontraída, que transmita uma familiaridade, aproximam a marca do seu consumidor e aumentam as chances de conversão.

Portanto, identifique como os seu público se comunica nas redes e crie uma linguagem que aproxime da realidade dos seus seguidores. Afinal é possível se relacionar de forma respeitosa com os seus clientes, sem precisar utilizar o “Prezado(a), Caro(a), Excelentíssimo(a)”, entre outros tratamentos formais.

Uma linguagem informal e mais amigável certamente vai estreitar  o seu relacionamento como os clientes.

 

Gostou das nossas dicas? Então conta pra gente o que você acha dessa metodologia e participe da discussão 🙂

Entenda o que é People Marketing
Avalie esta página

O autor

Meu nome é Caio Nogueira, sou apaixonado por novas tecnologias e pelo desafio de criar soluções na internet que ajudem empresas e pessoas a aumentar as vendas, gerar leads e contar histórias. Além disso, também sou co-fundador da UpSites Digital, uma agencia de criação de sites em São Paulo especializada em desenvolver sites e lojas virtuais em Wordpress. Espero que tenha gostado da leitura!

compartilhe esse post